Spider-Man, Spider-Man, does whatever a fist fucker can

E com areia.

Gay Bat

Fofos.

The Losers

Por falar em losers, a fantástica série mensal The Losers, magistralmente escrita por Andy Diggle, fast-paced master, chegará ao fim na edição 35. Esse era o plano desde o início. Olha, não me canso de recomendar. Se você gosta de histórias de assaltos e planos bizarros, como em Oito Homens e um Segredo, não deixe de conferir esse mega heist-movie. E o melhor: o “assalto” é planejado pra cima dos babacas da CIA.

“Hell to the niggers from CIA”, já dizia o saudoso Eazy-E em 8-Ball. Os desenhos de Jock são sensacionais e The Losers é uma das melhores coisas que a Vertigo publica desde, sei lá, o final de Invisibles, no já distante 2000. E o mais legal é esse lance de terminar em 35 edições. Sim!!! Nãó é porque Sandman teve 75 números que tudo que é série mensal ongoing da Vertigo tem que repetir esse montante. Como Lucifer, do meia-boca Mike Carey, que vai terminar exatamente no 75 (dãã, que original, Carey, seu wannabe Gaiman). Terminar no 35 é bem simpático. Leiam The Losers de qualquer forma.

Same Difference

Same Difference, quadrinho que ganhou um dos prêmios Eisner do ano passado (o de “Talento que Merece Mais Reconheciomento”) agora pode ser lido de graça (e com permissão do autor) neste site.

Cadeia por roubar quadrinhos

Você sabe que os quadrinhos estão ruins quando…

http://www.kpho.com/Global/story.asp?S=3619057

Um adolescente de 18 anos rouba uma coleção de quadrinhos raros e vende tudo para comprar bebidas e drogas.

Batman Begins

Rolou também o especial Batman Begins; eu escrevi os textos do Batman nos quadrinhos, nos desenhos animados e a galeria cronológica de batmóveis.

Quarteto

Especial sobre o Quarteto Fantástico:

Eu fiz os três primeiros textos: o Quarteto nos quadrinhos, nos desenhos da Hanna-Barbera e no “filme” do Roger Corman.

Batman Begging

Os caras da Forbes calculam quanto custa ser o Batman.

Achei meio barato.

(Tem que habilitar pop-ups ao clicar no link deles lá na página).

Hex, Jonah Hex

Jonah Hex e Warlord (sim, Travis Morgan, o Guerreiro) voltarão a ter
títulos mensais pela DC:

http://www.newsarama.com/forums/showthread.php?s=3b226f6cb4ce68481ec6978f50cd32b3&threadid=35023

Hex vai ser desenhado pelo brasileiro Luke Ross e, pelo que vi até
agora, difícil acreditar que é o mesmo Luke Ross que fazia o
Homem-Aranha uma década atrás. Tá surpreendentemente bom.

Bill Finger Award

A DC anunciou que vai passar a dar um prêmio anual para o melhor
escritor de quadrinhos do ano em questão (contribuições ao meio,
talento, etc). É o tal do Bill Finger Award (Finger é o primeiro
roteirista do Batman, para muitos mais importante que o criador, Bob
Kane).

Esse ano o júri será presidido por Jerry Robinson (criador do Robin e
do Coringa) e será formado por Mark Evanier (Groo), Jules Feiffer
(dramaturgo e cartunista), Denny O’Neill (Batman) e Roy Thomas
(Conan).

Pessoal de peso, mas meio old-school (ou anos 40 ou anos 70). Fico
pensando para quem vão dar esse prêmio. Aposto em alguém na linha de
um Kurt Busiek (o que não seria mal, até).

http://www.newsarama.com/forums/showthread.php?s=&threadid=33191