Bordel em Knightsbridge

Da coluna semanal de Mark Moore, DJ e líder do seminal S’Express, um dos primeiros projetos de acid house, no final dos anos 80:

“As pessoas às vezes me perguntam se eu me distraio quando toco como DJ em clubes fetichistas, quando alguém é espancado na minha frente. Devo dizer que isso não me incomoda, possivelmente porque, na minha juventude, eu costumava ir a um bordel de classe alta em Knightsbridge (onde uma amiga minha trabalhava como a camareira de uma prostituta).

Nós costumávamos observar executivos colocarem máscaras de couro, terem eletrodos amarrados aos seus testículos e pregos cravados em seus pênis, através de um espeçho de dupla face, gargalhando histericamente. Uma vez a madame do bordel tinha que mijar em um cliente, mas não conseguia soltar nenhuma gota, então me ofereci como voluntário para mijar naquele sujeito amarrado e vendado, tentando desesperadamente não rir. O que mais se pode fazer para ser divertir quando se é jovem e entediado?

Fico estupefato em ver como a cena fetichista deixou de ser algo típico da classe média suburbana para se tornar uma coisa fashion com apelo para todas as idades. O primeiro clube fetichista que eu fui foi o Skin Two e ele ficava, aliás, exatamente no mesmo lugar onde hoje acontece a Nag Nag Nag. O que eu particularmente achei hilário foi que as donas-de-casa, vestidas com roupas de borracha, se cansavam logo de ouvir Velvet Underground e começavam a pedir Abba e Dolly Parton.

Infelizmente, os tempos divertidos no bordel de Knightsbridge tiveram um fim abrupto quando a madame assassinou seu amante. mas essa é outra história, triste e perversa.”

Mark Moore

Em tempo: a Nag Nag Nag é a principal festa de electro londrina e o clube Skin Two era a versão física da revista de mesmo nome, que existe até hoje (e para onde escreveram artigos figuras como Grant Morrison, entre outras). Vejam aqui o site da Skin Two.

Posted in Estilo and tagged , .

Alex Mandarino

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *