“Kill All The Haitians”

A Take Two Interactive, distribuidora de GTA: Vice City, game da Rockstar North, anunciou que cortará a frase “Kill all the Haitians” das futuras cópias do título. Em determinado momento do fantástico jogo, o seu personagem deve se safar de uma armadilha da quadrilha de haitianos que mora no bairro de Little Haiti. Na tela, aparecem as instruções: “Kill all the Haitians”.
A pressão pelo corte partiu da comunidade haitiana em Nova York e até mesmo do prefeito, Michael Bloomberg, que discursou contra o game em uma igreja haitiana no Brooklyn.

Mais bizarro é o fato da quadrilha de haitianos ser liderada por uma mãe-de-santo freak, que mora em um barraco no meio de um favelão. Mas acho que não ligaram pra isso.
Entendo os motivos do corte, mas a frase dizia respeito à quadrilha dos haitianos, não àquele povo como um todo. Claro, poderiam ter batizado o grupo com um nome propriamente dito, de forma que não parecesse uma generalização racista (e o simples fato da Rockstar ter colocado no jogo uma estação de rádio haitiana com músicas daquele país já conta pontos contra esse papo de racismo).

Bom, eu adoro a cultura do Haiti, sinto pelo que sofreram nas mãos dos Docs e acho sensacionais a religião e os mitos vodus, mas detesto QUALQUER tipo de censura:

KILL ALL THE HAITIANS

Posted in Games and tagged .

Alex Mandarino

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *